Nano-Plantado de 29 litros de Fábio Galvão de FreitasEsse mês voltaremos a falar dos plantados, que sempre foram o carro-chefe do AqOL. Esse plantado, ou melhor, nano-plantado, afinal tem apenas 29 litros, tem um significado especial para nós e quem acompanha a seção Aquário do Mês já deve imaginar o motivo. Isso mesmo, ele é "de casa". Esse aquário pertence ao aquarista Fabio Galvão de Freitas, o FabioFreitas do Fórum AqOL e acompanhamos o projeto desde os primeiros dias, através de um tópico de quase 10 páginas criado pelo Fábio e com a partipação de vários membros aqui mesmo em nosso Fórum. Através desse tópico é possível conhecer desde imagens que apresentavam a idéia inicial na cabeça do aquarista até as várias mudanças de idéia ao longo do percurso.

Esse aquário tem uma história curiosa (confesso que nunca tinha ouvido falar desta técnica), o aquarista primeiro o montou somente com areia no substrato e esperou ele se desenvolver até onde imaginava, chegado à esse ponto, fotografou, desmontou tudo e remontou com substrato fértil. Para que o Fábio fez isso, só ele deve saber, mas nos confessou que se pudesse dar uma dica para alguém que pensa em fazer o mesmo, ele diria para montar direto com o substrato definitivo, assim perderia menos tempo. (rs palavras do próprio Fábio)

Nano-Plantado de 29 litros de Fábio Galvão de FreitasSegundo Fábio, esse aquário serviu como aprendizado para vários pontos que sua inexperiência desconhecia. Primeiro ele utilizou galhos que estavam se desfazendo e essa matéria orgânica em decomposição incentivou o desenvolvimento de algas. Depois não conseguia decidir o leiaute que mais o agradava e acabou ouvindo diversas opiniões vindas de pessoas com gostos diferentes, o resultado foram inúmeros alterações na disposição de troncos e rochas.

O aquário levou 4 meses para estabilizar, segundo o aquarista, e após esse período, Fábio chegou até a participar com ele no CBAP 2013, na disputadíssima categoria nano-plantado. Fábio revela que para ele esse aquário ficou longe de chegar no ponto que ele queria, sua ideia era fazer algo que passasse a impressão de uma floresta selvagem mas infelizmente teve que desmontar antes disso e o projeto ficou no meio do caminho. (particularmente, eu gostei bastante).

Dimensões: 40 x 27 x 27cm.
Volume bruto: 29 litros
Tempo de funcionamento: 6 meses.
Filtragem: Mini Canister Ista.
Iluminação: 3 x 18W PL 6400K e 900 lúmens.
Substrato: Mbreda Amazônia e JBL Manado.
pH: 6,8
GH: ?
KH: 4
NH3/NH4: ?
NO2: ?
NO3: ?
PO4: ?
Temperatura média: 26C
Alimentação: Flocos da Sera.
Fertilização adicional: Linha Mbreda.
Fauna: Hemigrammus erythrozonus.
Flora: Fissidens fontanus, Taxiphyllum barbieri, Vesicularia montagnei, Marsilea hirsuta, Callitriche stagnalis, Eleocharis minima, Eleocharis acicularis, Staurogyne sp., Microsorum pteropus "mini", Ludwigia brevipes, Rotala nanjenshan e Salvinia auriculata
Informações adicionais: Troca parcial da água semanalmente e fertilização com linha Mbreda.
 
Sobre o autor:
Marne Campos
Autor: Marne Campos
Marne Campos, natural de Campinas-SP, é aquarista desde 1990 quando, aos 7 anos de idade, ganhou o seu primeiro aquário e se apaixonou completamente pelo aquarismo. Bacharel em Análise de Sistemas pela PUC-CAMPINAS e técnico em Eletro-Eletrônica pela UNICAMP, criou o projeto Aquarismo Online em 1999, além outras iniciativas ligadas ao aquarismo que vieram logo em seguida, entre elas a idealização do CBAP (Concurso Brasileiro de Aquapaisagismo) onde ocupou o cargo máximo por 12 anos. Dedica-se à aquários plantados desde 1998, tendo como principal área de interesse atualmente, a manutenção de ambientes aquáticos por longos períodos.