[VIROU ARTIGO] - Aequidens rivulatus, o Green Terror

Este é o espaço do forum para sugestões, críticas, elogios, e tudo mais destinado ao desenvolvimento da Comunidade AqOL.

Moderador: Equipe AqOL

Regras do fórum
1 - Não escreva o título do tópico ou a mensagem dele toda EM LETRAS MAIÚSCULAS, negrito ou coloridas.
2 - Quando postar imagens, coloque o endereço delas entre as tags [img] e [/img*] (sem *)
3 - Quando postar endereços da internet, coloque entre as tags [url] e [*/url] (sem *)
4 - Não poste dois assuntos diferentes no mesmo tópico. Se quiser perguntar algo diferente do assunto do seu tópico, crie um novo.
5 - Não cite a mensagem anterior inteira. Você pode citar ou copiar algum trecho dela que achar importante enfatizar, mas ela inteira não tem sentindo algum.
6 - Tente escrever utilizando o português correto. Aqui tem uma boa dica para facilitar isso.
Avatar do usuário
Mogur
Colaborador
Mensagens: 105
Registrado em: 15 Jun 2010, 14:07
Fotos no Portal AqOL: 1
Artigos publicados no Portal AqOL: 1
Localização: Belo Horizonte - MG

[VIROU ARTIGO] - Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Mogur » 28 Set 2012, 14:13

O Green Terror (Aequidens rivulatus) é um ciclídeo americano originário do Equador e Peru, que pode chegar a um tamanho médio de 20cm para machos e 15cm para fêmeas, com alguns exemplares ultrapassando estes valores. Os principais rios de ocorrência dessa espécie são o Rio Esmeraldas, Rio Guyas, Rio Verde, Rio Vinces e Rio Daule (Equador), Rio Jetepeque e Rio Tumbes (Peru).

Existem duas variedades comerciais de Green Terror, que os aquaristas dos EUA e Europa definem como “Gold Saum” e “Silver/White Saum”. A variedade Gold Saum é aquela mais conhecida por nós, onde o peixe possui a extremidade da cauda e barbatana dorsal com uma coloração vermelha/alaranjada. Já a variedade Silver/White Saum possui coloração branca nessas regiões do corpo.

Imagem
Green Terror da variedade “Gold Saum” (Foto de Ivan Sonoda. Fonte: Arquivo pessoal)

Imagem
Green Terror da variedade “Silver/White Saum” (Foto de Midgley DJ. Fonte: http://www.wikipedia.com)

Como seu nome indica, os Green Terrors são peixes agressivos, embora alguns exemplares se mostrem bastante tranquilos. Essa agressividade é aumentada grandemente no momento da reprodução. Por ser uma espécie de médio a grande porte, e apresentar forte tendência à agressividade, o aquário para manter Green Terror deve ter pelo menos 200L, e um bom sistema de filtragem. A água deve possuir temperatura próxima dos 25oC, com pH estável que pode estar entre 6,5 e 7,5.

Esta espécie tem hábito de realizar escavações no substrato. Devido a isso, o aquário não pode possuir camada fértil. Deve-se optar por areia ou cascalho fino, com troncos e rochas formando tocas, e que também servirão para delimitar territórios. Manter plantas vivas em um aquário de Green Terror é uma tarefa complicada, mas pode-se optar por espécies mais resistentes como anúbias, samambaia de java, valisnérias ou plantas flutuantes.

Green Terrors juvenis podem ser mantidos em aquários comunitários, mas à medida que eles crescem é indicado deixa-los em um aquário exclusivo. Se você possui um aquário maior que 200L, e deseja manter outros peixes com seu Green Terror, não tem problema, mas precisa ter cuidado na escolha dos companheiros. Boas opções são outros ciclídeos americanos de porte e agressividade semelhantes, como acará severo (Heros severus), festivo (Mesonauta festivus), acará zebra (Amatitlania nigrofasciatus), Jack Dempsey (Rocio octofasciata), Oscar (Astronotus ocellatus). Também pode-se optar por não-ciclídeos de tamanhos médios ou que sejam rápidos o suficiente para evitar as possíveis investidas do Green Terror, como Pacus Prateados, Botias, Cascudos, Polypteros, entre outros. Tenha em mente que mesmo com espaço suficiente, o Green Terror pode ter problemas com outros indivíduos, gerando brigas e perseguições, então você deve estar apto a realizar alguma intervenção para evitar mortes. Alguns criadores de ciclídeos acreditam que modificar a posição de troncos e rochas acaba com essa agressividade. Algumas vezes isso pode funcionar, mas na maioria das vezes, assim que o peixe se acostuma com a nova configuração, vai continuar infernizando a vida do outro. O ideal nesse caso é retirar o peixe agredido do aquário.

A diferença sexual de Green Terror é relativamente fácil, desde que os peixes sejam adultos. Os machos são maiores que as fêmeas e possuem coloração mais clara, enquanto as fêmeas possuem coloração escura. Alguns machos desenvolvem uma protuberância na cabeça, mas essa estrutura também já foi observada em fêmeas dominantes, embora não tão proeminente como nos machos. Machos tendem a ser mais agressivos que fêmeas, mas existem casos onde as fêmeas desenvolvem agressividade equivalente.

A reprodução desta espécie ocorre normalmente em aquários. A fêmea deposita os ovos em rochas ou troncos e o macho os fertiliza. Após 3 dias os filhotes nascem (até 400 exemplares) e são protegidos pelos pais, que se tornam extremamente agressivos com os demais peixes do aquário (se existirem), e podem matar qualquer um que seja considerado uma ameaça, até mesmo peixes maiores que eles.

Com relação à alimentação, os Green Terrors aceitarão vários tipos de comida. Pode-se optar por ração industrializada (flocos quando jovens e pellets para adultos), camarão, bloodworm (larvas de Chironomidae), pequenos peixes e larvas de insetos. Para evitar problemas com falta de algum nutriente, recomendo usar alguma ração industrializada de boa procedência e que seja específica para ciclídeos americanos de médio/grande porte como principal alimento, e usar outros tipos de alimento eventualmente. Se decidir usar alimento vivo, tenha cuidado com a procedência deste, para evitar inserir algum organismo patogênico no aquário.

Para discussão:
Atualmente existem discussões sobre o verdadeiro status do Green Terror. Alguns pesquisadores afirmam que o gênero dos Green Terror deveria se chamar Andinoacara (Musilova et al. 2009a), e que o “verdadeiro” Green Terror pertenceria à espécie Andinoacara stalsbergi (Musilova et al. 2009b), cujas escamas possuem centro de coloração esverdeada e bordas negras, enquanto que a espécie conhecida como Aequidens rivulatus possui escamas com uma mancha negra no centro e bordas esverdeadas. Além disso, o “falso” green terror (a espécie difundida no aquarismo) seria pertencente à espécie Andinoacara aequinoctalis, e não Aequidens rivulatus. Pessoalmente acredito que mais estudos precisam ser realizados para confirmação destas informações, e que essa variação de cor pode representar apenas uma variação fenotípica populacional. Além do mais existem críticas sobre essas publicações, alegando que ainda existe necessidade de mais estudos para definir estas espécies (Schindler e Morgenstern, 2010).

Sites de Referências:
- http://www.fishbase.org/summary/Aequide ... latus.html
- http://atlasdrciclidos.es.tl
- http://www.ciclideos.com/andinoacara-ri ... -f178.html
- http://tropicalfishandaquariums.com/Sou ... Terror.asp
- http://www.aquaticcommunity.com/fish/ae ... ulatus.php
- http://badmanstropicalfish.com/profiles/profile61.html

Artigos:
- Musilova Z, Rican O, Novak J. 2009a. Phylogeny of the Neotropical cichlid fish tribe Cichlasomatini (Teleostei: Cichlidae) based on morphological and molecular data, with the description of a new genus. Journal of Zoological Systematics and Evolutionary Research 47 (3): 209 - 304.
Download do artigo: http://ciclidos-mexico.com/articulos/Mu ... acara.pdf;

- Musilova Z, Schindler I, Staeck W. 2009b. Description of Andinoacara stalsbergi sp. n. (Teleostei: Cichlidae: Cichlasomatini) from Pacific coastal rivers in Peru, and annotations on the phylogeny of the genus, Vertebrate Zoology 59 (2): 131 – 141.
Download do artigo: http://www.vertebrate-zoology.de/vz59-2 ... silova.pdf.

- Schindler I, Morgenstern R. 2010. Anmerkungen zur Taxonomie der Andinoacara-Arten. DCG-Informationen 41 (5): 114–124.
Download do Artigo original (alemão): http://www.dcg-online.de/encyclopedia/w ... 14-124.pdf
Download da versão em inglês: http://www.alice-dsl.net/mesonauta/Andinoacara_ISRM.pdf.
The King is come unto his hall, under the Mountain dark and tall.
The Worm of Dread is slain and dead, and ever so our foes shall fall!
(Dwarves song, 1977)

Avatar do usuário
Mogur
Colaborador
Mensagens: 105
Registrado em: 15 Jun 2010, 14:07
Fotos no Portal AqOL: 1
Artigos publicados no Portal AqOL: 1
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Artigo: Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Mogur » 28 Set 2012, 15:15

Uma pequena contribuição para a parte dos artigos de espécies. Eu procurei por lá e ainda não tinha. Como eu já criei esse maravilhoso ciclídeo, e já tinha lido bastante sobre ele, decidi escrever esse artigo. Espero que sirva para sanar dúvidas dos que pensam em criar Green Terrors...
The King is come unto his hall, under the Mountain dark and tall.
The Worm of Dread is slain and dead, and ever so our foes shall fall!
(Dwarves song, 1977)

Aquarista ilha
Montador
Montador
Mensagens: 42
Registrado em: 18 Jun 2011, 19:08
Fotos no Portal AqOL: 0
Artigos publicados no Portal AqOL: 0
Localização: Rio de Janeiro

Re: Artigo: Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Aquarista ilha » 28 Set 2012, 18:39

Boas Mogur,

Parabéns pelo Tópico, muito bom...
Você que já teve esse peixe, é fácil criá-lo , ele convive bem com o óscar ?
Ele só tem esse nome ?

Avatar do usuário
Mogur
Colaborador
Mensagens: 105
Registrado em: 15 Jun 2010, 14:07
Fotos no Portal AqOL: 1
Artigos publicados no Portal AqOL: 1
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Artigo: Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Mogur » 28 Set 2012, 20:52

Valeu Aquarista!
Criar Green Terror é fácil sim, basta respeitar as exigências mínimas da espécie que tudo dá certo.

Como eu disse no texto, para criar GT com outros peixes, o aquário tem que ter bastante espaço. Acredito que um aquário com mais de 150cm de frente já dá para tentar com oscar. Quando eu tentei manter oscar com GT eu já estava ciente que algo poderia dar errado, e já tinha um plano B.

Dá uma olhada nesse vídeo (desliga o som, por favor! :lol: ):
[youtube]KvNP-NMaBPQ[/youtube]
Um aquário com 270cm de frente, com vários óscares e vários Green Terrors, e aparentemente tudo tranquilo!

Aqui no Brasil conhecemos apenas como Green Terror. Os países latino-americanos e em portugual o chamam de "Terror Verde" (óbvio! :lol: ) e países do leste Europeu (acho) o chamam de akara pomarańczowopłetwa :mrgreen:

Pescadores locais, dos rios de origem, o chamam de outro nome, mas não me lembro agora. Acho que algo como "Viejita alguma coisa"... :lol:
The King is come unto his hall, under the Mountain dark and tall.
The Worm of Dread is slain and dead, and ever so our foes shall fall!
(Dwarves song, 1977)

Avatar do usuário
Marne Campos
Administrador
Mensagens: 14196
Registrado em: 17 Set 2003, 01:42
Fotos no Portal AqOL: 260
Artigos publicados no Portal AqOL: 55
Aquário do Mês do AqOL: 3
Localização: Campinas/SP
Contato:

Re: Artigo: Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Marne Campos » 30 Set 2012, 23:23

Mogur,

Excelente artigo! Já estamos providenciando a inclusão dele no Portal AqOL!
Marne Campos

Avatar do usuário
Mogur
Colaborador
Mensagens: 105
Registrado em: 15 Jun 2010, 14:07
Fotos no Portal AqOL: 1
Artigos publicados no Portal AqOL: 1
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Artigo: Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Mogur » 01 Out 2012, 13:22

Opa Marne, obrigado!

Apenas uma pequena contribuição...

Abraços.
The King is come unto his hall, under the Mountain dark and tall.
The Worm of Dread is slain and dead, and ever so our foes shall fall!
(Dwarves song, 1977)

Avatar do usuário
Marne Campos
Administrador
Mensagens: 14196
Registrado em: 17 Set 2003, 01:42
Fotos no Portal AqOL: 260
Artigos publicados no Portal AqOL: 55
Aquário do Mês do AqOL: 3
Localização: Campinas/SP
Contato:

Re: [VIROU ARTIGO] - Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Marne Campos » 05 Out 2012, 10:45

Conforme prometido...

Aequidens rivulatus (Green Terror)

Parabéns pelo artigo!
Marne Campos

Avatar do usuário
Mogur
Colaborador
Mensagens: 105
Registrado em: 15 Jun 2010, 14:07
Fotos no Portal AqOL: 1
Artigos publicados no Portal AqOL: 1
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: [VIROU ARTIGO] - Aequidens rivulatus, o Green Terror

Mensagempor Mogur » 05 Out 2012, 14:26

Valeu Marne! :D
The King is come unto his hall, under the Mountain dark and tall.
The Worm of Dread is slain and dead, and ever so our foes shall fall!
(Dwarves song, 1977)


Voltar para “Comunicados, Dúvidas & Sugestões sobre o AqOL”

Quem está online

Usuários neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante