A reprodução de peixes em aquário e seus problemas básicos

Discussões gerais sobre os peixes e invertebrados de água doce, abordando assuntos específicos como comportamentos, morfologia, reprodução, alimentação etc.

Moderador: Equipe AqOL

Regras do fórum
1 - Não escreva o título do tópico ou a mensagem dele toda EM LETRAS MAIÚSCULAS, negrito ou coloridas.
2 - Quando postar imagens, coloque o endereço delas entre as tags [img] e [/img*] (sem *)
3 - Quando postar endereços da internet, coloque entre as tags [url] e [*/url] (sem *)
4 - Não poste dois assuntos diferentes no mesmo tópico. Se quiser perguntar algo diferente do assunto do seu tópico, crie um novo.
5 - Não cite a mensagem anterior inteira. Você pode citar ou copiar algum trecho dela que achar importante enfatizar, mas ela inteira não tem sentindo algum.
6 - Tente escrever utilizando o português correto. Aqui tem uma boa dica para facilitar isso.
Avatar do usuário
Xica
Equipe AqOL
Mensagens: 7881
Registrado em: 29 Jan 2010, 18:19
Fotos no Portal AqOL: 10
Artigos publicados no Portal AqOL: 4
Aquário do Mês do AqOL: 1
Localização: Curitiba-PR

Re: A reprodução de peixes em aquário e seus problemas básic

Mensagempor Xica » 11 Fev 2013, 22:06

Noite.
Se o aquário tem boa densidade de plantas, certamente sobreviverão alevinos. Sempre encontrarão algum alimento e abrigo.
Dhiogenes escreveu:Se continuarem a viver como está, axam que eles vão se desenvolver? Estou tentando alimenta-los com flocos bem triturados.

Parte deles sobreviverá e crescerá, sem dúvida.
Até.

Flavia Esmeraldo
Planejador
Planejador
Mensagens: 2
Registrado em: 21 Ago 2014, 18:23
Fotos no Portal AqOL: 0
Artigos publicados no Portal AqOL: 0
Aquário do Mês do AqOL: 0

Re: A reprodução de peixes em aquário e seus problemas básic

Mensagempor Flavia Esmeraldo » 21 Ago 2014, 19:29

Boa noite

Gostaria de expôr aqui a minha pequena experiência com reprodução de véus de noiva. Comecei a cria- los a mais ou menos uns quatro meses. Gostei tando do hoby que acabei aprofundando minhas leituras sobre o assunto e logo me interessei pela reprodução, afinal de contas, pra mim era importante " tirar uma cria" dos meus filhotes..rarsr. Foi então que após ler e assistir a vídeos resolvi fazer a reprodução induzida, confesso que sem sucesso por 3 desovas. Minha tentativa foi em aquário, fiz tudo certinho ( acreditava eu). Coloquei azul de metileno 1 gota pra cada 3 litros d'agua e mesmo assim, apos o 2 dias ovas eram cobertas por fungo. Ficava muito triste, mas não desisti. Foi então que resolvi fazer a reprodução em um tanque, na 4 desova e deu certo. Fiz um saco de tule medindo a metade do tanque, coloquei plantas flutuantes e fiquei cuidando. Quando começou a perseguição do macho eu os coloquei nesse "ninho caseiro". Ela desovou e ele fertilizou. Logo após eu retirei os pais do ninho e os coloquei no tanque. Mantive uma bomba com duas saídas e aguardei. Finalmente no 3 dia, nasceram em torno de 80 filhotes, que eu separei em um aquário pequeno com plantas e deixei em banho Maria dentro do tanque, pois eu tinha medo que a mudança prisca de temperatura os matassem. Dois dias depois reparei novamente a perseguição e novamente preparei o ninho os os coloquei, novamente ela ovulou e ele fertilizou. Só que desta vez eles começaram a eclodir em 36 horas. Na segunda ( ou 5 ) desova foram 271 alevinos, estão todos vivos até então. Em um total de 350 alevinos se alimentando com larvas de artêmia e do limo das plantas. Estou muito feliz com a reprodução. Mas o que gostaria de salientar é que só obtive esse sucesso em um tanque, pois no aquário só perdia a desova toda. Gostaria de postar as fotos mas não sei como, aqui no fórum. Se alguém quiser mais informações é só mandar um e-mail que terei o maior prazer de ajudar. flavia.esmeraldo@ yahoo.com.br

Jéssica Maciel
Ciclador
Ciclador
Mensagens: 377
Registrado em: 20 Jun 2014, 21:41
Fotos no Portal AqOL: 0
Artigos publicados no Portal AqOL: 0
Aquário do Mês do AqOL: 0
Localização: Januária MG
Contato:

Re: A reprodução de peixes em aquário e seus problemas básic

Mensagempor Jéssica Maciel » 22 Ago 2014, 13:23

Não sei o que a Xica tem contra mestiços de peixes alguns são até + bonitos que a variedade pura.
Se tivesse um lago comprara dela de boas achei maravilhoso o filhotinho
A Terra é somente um ponto azul num vasto Universo mas é a nossa casa e devemos protege-la

Marcos Kim
Colaborador
Mensagens: 279
Registrado em: 25 Dez 2012, 22:31
Fotos no Portal AqOL: 2
Artigos publicados no Portal AqOL: 0
Localização: Campinas, SP

Re: A reprodução de peixes em aquário e seus problemas básic

Mensagempor Marcos Kim » 23 Ago 2014, 00:31

Olá pessoal.
Minha experiência em reprodução de peixes é a seguinte.
Quando eu era adolescente, era um entusiasta dos aquários, e queria porque queria reproduzir os peixes. Até rolavam as posturas ou partos, mas nunca conseguia levar nenhum pra vida adulta. Morria tudo. Analisando hoje, eu não estava preparado para esta fase crítica, a da manutenção dos alevinos. Tirei cria/desova de peixes variados: poecílideos em geral (sendo minha paixão da época a Molinésia Velífera Albina), Betta, Barbo Sumatra, Tanictis...

Parei com o aquarismo por 25 anos. Retomei ano passado, com um modesto Betta. Adquiri uns Platys Véus, coloquei em um aquário médio (140L reais). Finalmente, conduzi a cria até a idade adulta. Eclodi muito náuplio de artêmia. O próximo passo foram os Kribensis, com os quais eu fracassara no passado. Nem desova tinha conseguido. Desta vez, fui bem sucedido, tirei uns 200 filhotes, fiz eles crescerem até o ponto em que já começavam a formar jovens casais, e vendi/doei tudo. Quem tem pouco aquário, não tem como ficar com as crias... rs. Hoje, me alegro em saber que já estão na terceira geração, pois uma das pessoas que recebeu a doação me mandou fotos dos "netos" do meu casal.

O próximo passo foram os Bandeiras, já visando praticar pra tirar cria de Discos. Foi um belo aprendizado. O comportamento deles é um pouco mais complexo do que o dos Kribensis, há mais nuances na personalidade deles. Creio que tem um tópico meu aqui no Aquaonline sobre eles. Mas em resumo, comprei 12 Bandeiras do Luiz Wada, descuidei e perdi alguns, mas depois de um tempo se formou um belo casal de Bandeira Dálmata, uma variante rara por aqui. As duas primeiras desovas não deram em nada. Rolou bem na terceira. Foi uma grande alegria. Mas como o macho estava ansioso pra namorar de novo, depois de duas semanas comeu muitos filhotes, sobraram uns 40. Na quarta desova, que gerou pouco mais de 150 alevinos, logo separei os pais. Foi absolutamente impressionante ver a coragem dos pais, atacando com força brutal a redinha de captura. Mas houve uma infecção bacteriana, e um certo desleixo de minha parte, e no final, só sobraram 4 filhotes, que estão comigo até hoje. O casal matriz foi para um amigo criador, que já tirou algumas crias também.

Eu estava me preparando pra criar Discos, mas enfim, o fato é que ter filhotes dá um enorme prazer e um colossal trabalho. Este é um plano temporariamente adiado. Agora tô mais propenso a ter alguns Kinguios, e não me preocupar em salvar a cria deles. Ter pelo prazer de ter. Além de uma pequena (mas decente) bateria de Bettas. Também sem o objetivo de tirar cria.

Abs!
Kim

Marcos Kim
Colaborador
Mensagens: 279
Registrado em: 25 Dez 2012, 22:31
Fotos no Portal AqOL: 2
Artigos publicados no Portal AqOL: 0
Localização: Campinas, SP

Re: A reprodução de peixes em aquário e seus problemas básic

Mensagempor Marcos Kim » 23 Ago 2014, 00:37

Complementando: o link da reprodução dos Bandeiras Dálmata.

viewtopic.php?f=21&t=34890&start=20


Voltar para “Peixes e Invertebrados de Água Doce”

Quem está online

Usuários neste fórum: vyral e 5 visitantes