Muito se fala em Background 3D, pra encurtar vamos chamar de BG ok?

Bom, cada um tem uma receita da massa, uma fórmula, cada um usa uma coisa e tal, não estou aqui para questionar o certo e o errado, quero apenas compartilhar minha experiencia com vocês, que deu certo, e ao meu ver, é muito mais simples que muitas que vemos Internet à fora.
Bom, vamos aos materiais então.

Material necessário:
Chapa de isopor de 20mm;
Chapa de isopor de 50mm;
Silicone sem fungicida;
Cimento comum;
Impermeabilizante líquido sem fungicida;
Corante em pó para pisos e cimento.

Ferramentas:
Estilete ou faca bem afiada de corte fino;
Lixa grão 200 ou próximo disso;
Balde;
Pincel grande 3" ou mais;
Pincel pequeno.

Mãos a obra!

Corte e modelagem:
Com a chapa de isopor de 20mm corte com o estilete ou faca e molde conforme a traseira do seu aquario. Desconte travas ou similares de modo que encaixe perfeitamente, ela sera sua base. Se você quiser pintar também as bordas então deixe ela um pouco menor que o local onde vai encaixar de modo contrário. Faça de uma forma de modo que ela entre bem justa.

Com a chapa de 50mm, recorte as pedras ou rochas que você quer imitar. Se for de seu agrado, corte as quinas dos pedaços e faça o acabamento com a lixa de modo que fique o mais liso possível.
Use o silicone para colar os pedaços de 50mm sobre a base de 20mm, deixe secar o suficiente para ficar bem firme antes de passar para a fase de pintura.

O resultado pode variar muito. Neste que fiz, creio que é o mais fácil possível. Tentei imitar um muro de pedras, os resultados foram estes antes da pintura:

Backgound ainda sem pintura

Background ainda sem pintura

Background ainda sem pintura

 

Pintura e Impermeabilização:
Misture o impermeabilizante e o cimento em uma proporção de 2kg de cimento para meio litro de impermeabilizante. Faça uma massa com um ponto que não fique tão difícil de passar com o pincel e que não fique tão mole a ponto de escorrer. Se nessário, use água para achar este ponto.
Use o pincel maior para o geral e o menor para cantos e frestas, facilita muito.
A primeira camada de massa deve ser mais fina que as demais, então dilua com água, pois isso faz com que ela fixe melhor no isopor e prepare melhor para as próximas camadas. As demais camadas devem ser grossas com o ponto que citei anteriormente.
Só faça a quantidade de massa que você vai usar naquela demão, para outra demão faça outra mistura.
As primeiras camadas não precisam ter o corante, pois a cor só é determinada pelas três ou as duas últimas camadas.

Nota: É quase impossível acertar perfeitamente a mesma cor em duas demãos de mistura de massas diferentes. Se quiser fazer um retoque esperando ficar da mesma cor com outra mistura de massa recomendo que passe uma demão por inteiro.

Você pode fazer detalhes em outra cor, usar dois tipos de corante, neste caso, é a sua imaginação que manda.
A cor final é aproximadamente a mesma da massa, pois quando ela seca, clareia muito. Porém, a baixo da água ela escureçe novamente.
O número de camadas varia conforme a maneira que voce aplicou a massa, para saber se já esta bom, a placa tem que ficar firme e dura. É que se escute um "toc toc" quando bater de punho fechado como se estivesse batendo em uma porta, eu uso 10 camadas em média.

A secagem é um ponto muito importante. A mesma não pode ser forçada, ou seja, faça-a na sombra e sem usar fonte de calor, lâmpadas, sopradores e etc... Isso é importante para que não rache a camada aplicada. Rachaduras também são sinais que você aplicou uma camada muito grossa, então diminua na próxima camada.
A parte traseira do BG, a que vai ficar colada no vidro, não precisa de tantas camadas de massa, umas 5 bem passada já esta bom.

As primeiras camadas podem ser feitas fora do aquário. Se for facilitar para você, é possivel fazer o BG em várias partes, as unir dentro do aquário e passar massa nas emendas para tornar um BG somente. Para as últimas camadas, é recomendado passar já com o BG fixo no lugar. Conforme o BG tenha entrado no aquário, use silicone para colar no vidro, pouca coisa, só para segurá-lo no lugar. Nessas horas é sempre bom proteger os demais vidros do aquário com jornal para não sujar e riscar.

O resultado é este:

Primeira camada de massa, testando a eficiência do corante.

Primeira camada de massa, testando a eficiência do corante.

BG já no aquário.

BG já no aquário, optei pelo preto mesmo.

BG na traseira e em uma lateral do aquário escondendo o sump lateral.

Meu BG na traseira e em uma lateral do aquário, escondendo o sump lateral.

BG finalizado e acomodado dentro do aquário.

Este é o resultado final no aquário!

ATENÇÃO:
Sim, o BG feito desse forma alcaliniza muito a água. A primeira água que entra no aquário chega fácil a 9,0. Porém, isso diminui muito com o tempo e dependendo das trocas de água. Se montar o BG, deixe o filtro do aquário rodando, ou até mesmo uma bomba circulando a água. É recomendado também fazer uma troca a cada 48 horas. Depois da sexta ou sétima troca o BG se torna inerte, ou seja, não altera mais o pH da água.

 

Ficou com dúvidas? Então acesse: Background 3D, simples e fácil.

Sobre o autor:
Autor: Eduardo Gerhardt