Olá Pessoal

Sei que para alguns isso pode parecer besteira ou simples demais, mas hoje (11 jan 2005) o Reinaldo trouxe algumas mudas de glossos para mim e resolvi tirar algumas fotos, fazendo assim um mini "passo a passo" de como plantar Glossostigma elatinoides (glossos), da melhor maneira, ou seja, nó a nó, como o Amano costuma fazer. Peço desculpas pela qualidade das fotos.

1) Ramo de glossos com alguns nós. Selecione um ramo que possua nós saudáveis, sem manchas, folhas raquíticas etc. (lógico que só se você tiver quantidade suficiente para poder escolher)





2) Seleção do nó a ser destacado.





3) Destacamento do nó, o ideal é utilizar uma pinça para evitar que a planta seja esmagada pelos dedos. Separe o nó de modo que fique um pedaço do estolho (esse "cabinho" que liga os nós) de cada lado, isso ajuda na fixação inicial até a planta desenvolver raízes. É sempre bom cortar as raízes, deixando-as bem curtas para que elas não fiquem dobradas ao se enterrar a planta.





4) Escolha um bom local para o plantio, de preferência no meio de outros nós, assim você tende a acelerar o desenvolvimento das mudas conforme elas forem crescendo e se encontrando. Segure a planta pela raíz com o auxílio de uma pinça. (As raízes devem estar mais curtas do que a foto aparenta, na verdade as raízes foram cortadas mas ficaram presas na pinça no momento da foto, dando uma falsa impressão.)





5) Enterre a muda, tomando cuidado para não passar do ponto, as folhas devem ficar para fora do substrato e o "cabinho" da folha também, de preferência.





Algumas observações:

 

  • Uma pinça ajuda BASTANTE nesse tipo de plantio.
  • Um substrato fino é bem mais aconselhável para o plantio de Glossos.
  • Quanto mais mudas e quanto mais próximas elas estiverem, mais rápido deverá ser o desenvolvimento do "carpete".
  • Glossos preferem regiões bem iluminadas, então plante-as em zonas privilegiadas neste aspecto e aguarde que ela avance para zonas com menor luminosidade assim que estiver em pleno desenvolvimento. Se a região tiver luminosidade muito baixa, a planta pode crescer na vertical, em direção à luz.
  • Caso possua um substrato de areia ou cascalho, laterita e um fertilizante inicial ou então com alguns meses de montagem, adicione fertilizantes sólidos regularmente, distribuídos em pontos estratégicos pelo carpete.
  • Não se deve sifonar a região onde as Glossos estão plantadas, apenas aspire a sujeira com o axílio de um sifão a alguns centímetros de distância do carpete. Sifonar essa região danificaria a planta.
  • Se seguir corretamente as instruções desse "passo a passo", logo terá um carpete saudável e vistoso.
  •  
Sobre o autor:
Marne Campos
Autor: Marne Campos
Marne Campos, natural de Campinas-SP, é aquarista desde 1990 quando, aos 7 anos de idade, ganhou o seu primeiro aquário e se apaixonou completamente pelo aquarismo. Bacharel em Análise de Sistemas pela PUC-CAMPINAS e técnico em Eletro-Eletrônica pela UNICAMP, criou o projeto Aquarismo Online em 1999, além outras iniciativas ligadas ao aquarismo que vieram logo em seguida, entre elas a idealização do CBAP (Concurso Brasileiro de Aquapaisagismo) onde ocupou o cargo máximo por 12 anos. Dedica-se à aquários plantados desde 1998, tendo como principal área de interesse atualmente, a manutenção de ambientes aquáticos por longos períodos.